segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Kefir

  O alimento do bem!

http://dietasera.blogspot.comSemelhante ao iogurte. - Mais poderoso para o corpo e a saúde. Detalhe: é de graça!

Nas prateleiras dos supermercados, uma enorme variedade de bebidas e iogurtes ricos em substâncias que prometem regular o intestino e promover uma série de benefícios ao organismo faz o maior sucesso entre consumidores antenados, como a apresentadora Ana Hickmann. Ex-gordinha - chegou a pesar 78 kg e a usar manequim 48! - a loira é adepta desses produtos na hora de espantar a fome e manter a forma. Segue até uma receita caseira: "Bato iogurte desnatado com o pó da gelatina, coloco na geladeira e depois devoro como se fosse uma mousse."

Mal sabe ela que dá para fazer em casa um iogurte ainda mais potente a partir do cultivo de uma colônia de organismos vivos - leveduras, lactobacilos e outras bactérias. É o chamado kefir. "Com mais de 40 microorganismos, esse alimento probiótico regula o intestino, além de melhorar o sistema imunológico e de ser rico em nutrientes que colaboram para o bom funcionamento do corpo", explica Neide Rigo, nutricionista paulista que consome os grãos há cerca de cinco anos.

Apesar de não haver muitas pesquisas científicas sobre o alimento, quem o ingere freqüentemente - recomenda-se cerca de 100 ml por dia - garante que, além de estimular o funcionamento do intestino, ele combate alergias e até herpes, reforça a disposição física e ainda contribui para secar os quilos extras.

O mais curioso é que não há como encontrá-lo no mercado ou em loja de produtos nacionais. "No Brasil não se consegue comprar os grãos. A melhor forma de adquiri-los é através de cultivadores, que os fornecem gratuitamente", conta a nutricionista.

A história do grão
Acredita-se que o kefir tenha surgido há séculos no Cáucaso, nordeste da Rússia, a partir da fermentação casual do leite. Desde então, ele vem sendo cultivado em casa e passado de mão em mão. Há dois tipos de kefir: o de leite (mais comum e estudado) e o de água (sensível, é difícil de criar. Receita: uma colher - sopa - do grão e três de açúcar mascavo em um litro de água mineral. Fechar hermeticamente e esperar fermentar por um dia).

Alimento benéfico
O kefir é produzido pela combinação de leite com uma mistura de fungos e lactobacilos. "Ele é rico em vitaminas B12, B1 e K, cálcio, fósforo, ácido fólico e magnésio, entre outros nutrientes", conta Neide Rigo. Apesar de não haver contraindicações, quem tem qualquer problema de saúde deve consultar um médico antes de aderir ao hábito de tomar a bebida diariamente.

Onde conseguir
Você não conhece ninguém que possa lhe fornecer os grãos? Recorra aos doadores existentes na internet ou nas comunidades do Orkut. O kefir se multiplica rapidamente - em uma semana ele chega a dobrar de tamanho! Aí, basta seguir a tradição e tornar-se uma fornecedora de kefir:

https://www.facebook.com/pages/Kefir/46833732035
http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=1136903

http://www.kefiralimentoprobiotico.blogspot.com.br  (Blog - Lista de doadores no Brasil e Portugal)
http://www.facebook.com/KEFIR.alimento.probioticoDicas para iniciantes


• O kefir pode ser cultivado em qualquer tipo de leite - integral, desnatado, longa-vida... "Quem quer perder peso deve optar pelo desnatado", aconselha a nutricionista.

• A bebida é semelhante à coalhada fresca e pode ser consumida pura ou adoçada com açúcar, adoçante ou mel. Ela combina também com cereais e ainda batida com frutas naturais ou congeladas.

• Uma vez por semana, enxágüe os grãos em água mineral. Atenção: o cloro da água da torneira pode matar o kefir!

• Só use objetos de vidro, plástico ou madeira para mantê-lo. Ele é sensível a objetos de metal.

• Se o pote for hermeticamente fechado, ocorrerá uma maior fermentação alcoólica. Não perderá as propriedades, mas o gosto ficará mais forte.

• Em temperatura ambiente, o kefir fica pronto para o consumo em aproximadamente 12 horas. Quem não for consumi-lo diariamente pode armazenar o iogurte na geladeira por até três dias.

• Se os grãos apresentarem cor estranha - diferente da típica, que é branca - ou cheiro ruim, jogue-os fora. • Com o cultivo, ele se multiplicará - hora de doar os grãos em excesso. Uma colher (sopa) é o necessário para começar uma nova criação.

• Quando for viajar ou não puder cuidar dos grãos - ou até mesmo enjoar do kefir - basta deixá-lo no freezer. Se quiser consumi-lo ou cultivá-lo novamente, bastará descongelá-lo.

Viva Mais

3 comentários:

  1. Estou fazendo o uso e estou gostando pois tem me ajudado muito com o meu intestino.

    ResponderExcluir
  2. Tenta aki http://www.roxwolf.com.br/ ou aki http://kefiralimentoprobiotico.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir